sexta-feira, 20 de dezembro de 2013

P'ra encantar a Alma. Alvorada



O dia não se rende a noite
Por menos de um espetáculo
Um instante de fascínio
Delírios, como expressão
O Criador e sua arte
Manifesta a perfeição
Um presente p'ra humanidade.
O Artista diz:
- Eu te amo
A humanidade, responde:
- Não se demore. Volte Logo!
A noite, interrompe:
- Descanse
O dia se despede:
- Até de manhã, e encanta...
"Os céus manifestam sua Glória"

(Por-Dhioun, Marcos)

3 comentários:

Juliana Félix disse...

Bonito texto!!!!!
Parabéns!
FB

Arauto Soturno disse...

Cara, isso me fez pensar em efemeridade.

Marcos Henrique Justino disse...

De fato, é... Os encantamentos só duram um instante, passam e nem se percebe que se foram

Postar um comentário